sexta-feira, 25 de agosto de 2017

Bombeiros de Vila Flor reforçam condições da corporação com mais instalações

Os Bombeiros Voluntários de Vila Flor vão ter, finalmente, um pavilhão para guardar as viaturas que ficam estacionadas na rua por falta de espaço no quartel e que são, frequentemente vandalizadas.
O projecto da Câmara até vai um pouco mais além e prevê a criação de camaratas, salas de formação e cantina.
O presidente da Associação Humanitária, Carlos Fernandes, está a mostrar, com orgulho, o projecto na feira Terra Flor, que decorre até domingo, em Vila Flor.
“O projecto está feito e nós acreditamos que essa obra vai ser construída. Não se trata só de um pavilhão para recolher as viaturas, aproveitámos para construir também uma cantina, com refeitório, porque na época de incêndios temos alguma dificuldade em arranjarmos restaurantes para nos servirem as refeições, porque como sabe em plenos incêndios não é fácil coordenar a estrutura para nos alimentar”, explica.  
O novo pavilhão vai ser construído nas imediações do parque da feira, está bem equipado, mas não substitui o actual quartel, porque “ainda lhe faltam muitas coisas que são necessárias para o funcionamento de um corpo de bombeiros. O quartel vai continuar em pleno funcionamento e a nova infra-estrutura é uma mais-valia que se acresce ao quartel.”
Para além das infra-estruturas, a Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Vila Flor tem realizado campanhas de recrutamento de pessoal.
“Temos 20 jovens que agora vão começar a ter formação para fazer os respectivos exames e serem promovidos a bombeiros. Não é fácil, porque cada vez mais notamos a dificuldade que temos na mobilização destes jovens porque cada vez são menos e os poucos que ainda há, acabam os estudos aqui na terra e depois vão à procura de vida ou para as universidades e por isso, há muita dificuldade em recrutar pessoal para os corpos de bombeiros”, conta.
A contar com estes 20 estagiários, o corpo de bombeiros de Vila Flor fica com cerca de 60 pessoas no activo. 

Escrito por Rádio Ansiães (CIR) Foto: CM Vila Flor

Sem comentários: